Republicando: Boletim Mensal – Outubro/2014

ImagemPrincipal
MINOM – 30 ANOS O Corta-jaca

O marco fundador da criação do MINOM, Movimento Internacional para uma Nova Museologia, aconteceu em Quebec, no Canadá, em 1984. Nesses 30 anos, o MINOM tem contribuído para a transformação da museologia, desenvolvendo novos aportes teóricos, articulando e estimulando experiências comunitárias, populares e participativas. De 6 a 11 de outubro, vai acontecer a XVI Conferência Internacional do MINOM, em Cuba, com a participação do Assessor de Comunicação do Museu da República, Mario Chagas.

E a XIX Jornada Republicana, no dia 28, também terá como tema os “30 anos do Movimento Internacional para uma Nova Museologia”.

E o Cineclube Cinema e História Sílvio Tendler vai fazer uma homenagem aos 100 anos da apresentação do “Corta-Jaca”, de Chiquinha Gonzaga, no Palácio do Catete. Serão exibidos curtas metragens com debates sobre a história dessa música, que marcou a República.

Teremos também a Aula Magna do Curso de Pós-Graduação em Educação Museal, o projeto “Um Dedo de Prosa”, promovido pelo Setor de Pesquisa do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular, além da nossa tradicional “Primavera dos Livros”, com atividades educacionais e culturais.

Em 26 de outubro de 1914, ocorreu no Palácio do Catete uma recepção organizada por Nair de Tefé, primeira-dama do então Presidente da República, Marechal Hermes da Fonseca. O evento foi organizado como uma festa de despedida, pois o mandato de seu esposo se encerraria no dia 15 de novembro daquele mesmo ano.

Muito concorrida, a recepção teve em seu programa um concerto com músicas dos mais variados estilos. Nesse dia, a canção de autoria de Chiquinha Gonzaga, “Corta-jaca”, foi executada ao violão pela própria Nair de Tefé. A apresentação acabou entrando para a História, não tanto pelo desempenho musical da primeira-dama, mas pela reação negativa à sua execução. Na época, o violão era considerado instrumento da “malandragem”, e as músicas de estilos mais populares – como o samba e o maxixe -, eram normalmente vistas com preconceito pelas elites do país no início do século XX.

A reação mais famosa foi o discurso de Rui Barbosa no Senado, que argumentou que a música era “a mais baixa, a mais chula, a mais grosseira de todas as danças selvagens, a irmã gêmea do batuque, do cateretê e do samba. Mas nas recepções presidenciais o Corta-jaca é executado com todas as honras da música de Wagner”.

Agenda de Outubro

Dias 3,6,8,10,13,15,17,20,22,24,27,29,30
Academia Carioca/ Clínica da Família
– ginástica laboral com acompanhamento de especialistas do Posto de Saúde do Catete.
Local: Jardim Histórico do Museu da República
Horário: 9h às 10h30

Dias 6, 13, 20 e 27
Polo Rio Carioca
– reunião de empresários com integrantes da sociedade civil organizada dos bairros do Catete, Glória, Flamengo e Laranjeiras, para ações e projetos visando o fortalecimento e desenvolvimento desta região, no âmbito da gastronomia, cultura e comércio.
Local: Auditório Apolônio de Carvalho
Horário: 18h30 às 20h

Dia 4
Aula Magna do curso de pós-graduação em Educação Museal
, ministrada pelo Prof. Mario Chagas
Local: Auditório Apolônio de Carvalho
Horário 9h30

Dia 4
Arterapia
– atividades diversas, oficinas, contação de histórias
Local: Espaço Multimídia e Jardim Histórico do Museu da República
Horário: 9h às 17h

Dia 7
Música no Museu
– Diogo Oliveira (violão)
Local: Auditório Apolônio de Carvalho
Horário: 12h30h às 14h

Dia 7
Lançamento do livro: “Orientação e Supervisão Educacional: reflexões sobre o fazer pedagógico”

Local: Livraria Minibook Store
Horário: 19h

Dias 8 e 15
Projeto “Um dedo de prosa”
, evento promovido pelo Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular
Local: : Espaço Multimídia
Horário: 15h às 18h30

Dia 11
Orquestra Filarmônica e Orquestra Popular Tuhu
- ensaio das orquestras de meninos e meninas
Local: Pátio próximo a entrada do Museu da República, na Rua do Catete
Horário: 10h às 13h30

Dia 11
Lançamento de livro: “Cartas ao Grande Amor”,
de Jacinto Fábio
Local: Livraria Minibook Store
Horário: 17h

Dia 13
Encontro Regional do PNEM no Rio de Janeiro
- Programa Nacional de Educação Museal
Local: Auditório Apolônio de Carvalho
Horário: 9h às 18h

Dia 15
Comemoração dos 15 anos da Associação Brasileira de Educação

Local: Auditório Apolônio de Carvalho
Horário: 15h às 17h

Dia 18
Um brinde à Poesia no Coreto
– encontro de poetas com declamação e apresentação musical
Local: Coreto do Jardim
Horário: 15h às 17h

Dias 21 e 28
Seminário Permanente “Paisagens Híbridas”

Local: Espaço Multimídia
Horário: 18h30 às 21h

Dia 23
Um brinde à poesia
– encontro de poetas com declamação e apresentação musical
Local: Espaço Educação
Horário: 19h às 21h

Dia 24
Lançamento de livro: “Construcionismo social: discurso, prática e produção do conhecimento”

Local: Livraria Minibook Store
Horário: 19h

Dia 26
Feira de Fotografias (exposição)

Local: Jardim Histórico do Museu da República
Horário: 9h às 17h

Dia 28
XIX Jornada Republicana
- com o tema “30 anos do Movimento Internacional para uma nova Museologia – E agora, MINOM?”
Local: Espaço Multimídia
Horário: 18h às 20h

Dia 29
Assembleia da LIBRE
– Liga Brasileira de Editoras
Local: Auditório Apolônio de Carvalho
Horário: 9h às 17h

Dia 30
Cineclube Cinema e História Silvio Tendler
– exibição de filme, seguida de debate com convidados. Na agenda, filmes em homenagem a compositora Chiquinha Gonzaga e aos 100 anos de apresentação do Corta-Jaca no Palácio do Catete
Local: Espaço Cineclube Cinema e História Silvio Tendler (Espaço Multimídia)
Horário: 18h30

Dias 30 e 31
Primavera dos Livros
– comercialização de livros, com atividades educacionais e culturais
Local: Jardim Histórico do Museu da República
Horário: 9h às 17h


Exposição “Saio da vida para entrar na memória”
Local: Museu da República/Palácio do Catete – Sala de Exposições Temporárias
Horário: de Terça a Sexta-feira – 10h às 17h
Sábados, domingos e feriados – 11h às 18h

Exposição A Res Publica Brasileira – mostra permanente sobre a História da República no Brasil
Local: Palácio do Catete/ Museu da República
Horário de visitação: Terça a sexta-feira – de 10h às 17h
Sábados, domingos e feriados – de 11h às 18h

Exposição “In Natura” de Alberto Saraiva
Local: Galeria do lago – Jardim Histórico do Museu da República
Inauguração: 4 de outubro de 2014 (sábado) – 16h
Período: de 5 de outubro a 7 de dezembro de 2014
Horário: de Terça a Sexta-feira, de 10 às 17 horas
Sábados, domingos e feriados, de 11 às 18 horas
Entrada Franca

Exposição “Conexões: lá dentro e lá fora”
Local: Jardim Histórico do Museu da República (aléia principal)
Horário: diariamente, das 8h às 18h
Entrada Franca

Seresta no Jardim
Local: Jardim do Museu da República – Pátio interno
Terça a sexta-feira – de 18h às 20h30m
Sábados e domingos – de 15h às 18h

VISITEM O NOVO SITE DO MUSEU DA REPÚBLICA:
museudarepublica.museus.gov.br