Pijama original de Getúlio volta a ser exposto no Palácio do Catete

Peça fica em exposição até novembro

“Lutei contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a calúnia não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha vida. Agora ofereço a minha morte. Nada receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na história.”

Com essas palavras, em 24 de Agosto de 1954, o presidente Getúlio Vargas encerrava a sua carta-testamento. Com um Colt calibre 32, atira contra o próprio peito e dá fim à própria vida.

65 anos depois, o Museu da República relembra esse dramático evento que redefiniu os rumos do país. O pijama usado pelo presidente naquela manhã volta a ser exposto em seu antigo quarto no Palácio do Catete. Por motivos de conservação do tecido, a peça não fica em exposição permanente.

Nesse sábado (24/8), a visita ao Palácio será gratuita.

jobb_0369

Foto: Valentino Fialdini

Publicado em

Deixe seu comentário

COMETÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days